"As pessoas que amamos quase sempre nos escapam, ou porque aparecem cedo demais, ou porque se vão embora ou porque, simplesmente, não as reconhecemos e por isso não as sabemos agarrar."

Margarida Rebelo Pinto em Pessoas como nós

Sem comentários:

Enviar um comentário