Momento cartoon #51


Construo lembranças

Cada momento que vivemos traz consigo uma futura lembrança que recordaremos quando a ausência se fizer sentir, e com ela colocamos o olhar ao longe, mirando o nada mas sentindo o tudo, o tudo que o momento conseguiu construir mesmo que num segundo e que permanecerá assim enquanto a memória não nos falhar.

'Vês, lá longe, os campos de trigo? Eu não como pão. O trigo para mim é inútil. Os campos de trigo não me lembram coisa alguma. E isso é triste! Mas tu tens cabelos cor de ouro. Então será maravilhoso quando me tiveres cativado. O trigo, que é dourado, fará lembrar-me de ti. E eu amarei o barulho do vento no trigo…'

Antoine de Saint Exupéry, O pequeno príncipe

Um brinde ao despedimento

Na verdade eu e quem faz parte da minha vida vivemos numa dimensão completamente diferente do resto do mundo.
Depois de um tão desejado despedimento do seu trabalho, adiado por razões óbvias ligadas à situação económica, eis que chegou a altura da entrega da tão desejada carta de demissão por parte de uma amiga minha. O brilho no olhar, o sorriso no rosto, a expressão de alívio por ter-se visto livre de uma situação que só causava-lhe dores de cabeça levaram-nos a brindar à situação.  Até fiquei radiante por ela. Quantos não são os que brindariam por arranjar emprego mas nós não, brindamos porque ela finalmente despediu-se e confesso que adoraria estar a brindar pelo meu também.
Infelizmente com esta situação brindaremos também mais tarde a outra despedida, quando ela for para Espanha à procura de trabalho, deixando-me sem a sua companhia. Mas fico imensamente feliz por ela, por estar a arriscar e a lutar por algo que acredita e por mudar de vida.
E ontem assim lá estivemos, de copo em riste porque merecemos estes momentos, porque a vida é para ser celebrada de todas as formas e porque cremos que há sempre algo melhor à espreita.
Que seja doce minha amiga, que seja doce!

Pensamentos

"Quanto mais você se importa
mais você tem a perder"

Autor desconhecido

Estar e ser no Porto

Festival Marés Vivas @ Praia do Cabedelo (Gaia), 18-21 Jul.


QUA 18 a SÁB 21 JUL @ Praia do Cabedelo
Gaia MARÉS VIVAS dia €30;
passe Festival €60
+info www.maresvivas.pt 

O recinto junto à foz do rio Douro, do lado de Gaia (praia do Cabedelo), recebe mais uma edição do Festival Marés Vivas. Dicas de acesso: - para quem vai de comboio, as estações que o Festival MVtmn recomenda são General Torres e Vila Nova de Gaia (Devesas), onde encontras autocarros Espírito Santo que fazem a ligação ao local do Festival; - se optares por ir de metro utiliza a estação General Torres, na Linha Amarela, o interface com autocarros na Estação Casa da Música (linhas Azul, Vermelha, Verde e Violeta), ou o interface com os comboios nas estações de Campanhã e S. Bento.

Fonte: O Porto Cool

Estar e ser no Porto

20120625-113101.jpg

Nas tardes de domingo de julho, agosto e setembro, respetivamente no jardim do Passeio Alegre, no Jardim de São Lázaro e no Parque da Cidade, acontece o PORTO SUNDAY SESSIONS. Uma iniciativa que promete momentos com boa música em ambiente descontraído, ao rotmo do por-do-sol. Sempre entre as 17h e as 21h, com entrada livre. 

 +info aqui: PORTO SUNDAY SESSIONS

Fonte: O Porto cool

Pensamentos

"Acredita no melhor...tem um objectivo para o melhor, 
nunca fiques satisfeito com menos que o teu melhor, 
dá o teu melhor, 
e no longo prazo as coisas correrão pelo melhor." 

 Henry Ford

Era mesmo isso que estava a falar


O músculo mais importante está no cérebro

Li uma notícia no Correio da Manhã que chamou-me à atenção imediatamente pelo título: 'O músculo mais importante está no cérebro', uma notícia relacionada com a motivação dos atletas nas competições.
A quantidade de vezes que leio e penso sobre este assunto e a enorme dificuldade que tenho de tornar esta a minha filosofia de vida. Na realidade funciona, é real e já o experienciei anteriormente mas presentemente não tenho conseguido.
Na verdade tudo está dependente da forma como vemos e lidamos com as situações e principalmente em não deixarmos o stress, a frustração e a dúvida tomarem conta de nós. É ter a capacidade de, naquele momento em que a nossa mente insiste em colocar objecções e obstáculos,  'dar a volta por cima' e mudar essa frequência de pensamento com dispositivos motivacionais que nos impulsionem no sentido que querermos ir.
Se se trata de algo parecido com o pensamento positivo comummente falado, talvez sim, mas esse é muitas vezes criticado pelos mais cépticos. Portanto, é bastante agradável para mim ver a ciência provar que temos a capacidade de tomar as rédeas de algumas situações que dependem de nós e não da sorte ou das circunstâncias.
Faço hoje, o início do Verão como o marco na minha vida em que trabalharei para mudar a frequência do meu pensamento em direcção a algo que realmente anseio e que grande parte das vezes claramente desisto por cansaço, desilusão ou frustração. Hoje é o início de algo muito bom. O músculo do meu cérebro trabalhará a meu favor.

É assim mesmo


Two or three


It would be very nice...

.

'Sometimes when things are falling apart 
they may actually be falling into place.'

Autor desconhecido

Estar e ser no Porto

A Rua das Flores tem ganho vitalidade e dinamismo com a restauração de espaços com história para a abertura de projetos com alma. Como é o caso da Mercearia das Flores, uma lojinha que tem um conceito atual mas com os pés bem assentes no que de mais tradicional tem o comércio português, onde se pode confirmar que o que é nacional é bom. Por lá se podem encontrar queijos, compotas, enchidos, bolachas artesanais, mel, marmeladas, vinhos, vinagres, entre muito outros produtos regionais com sabores caseiros.






O espaço transporta-nos para a nostalgia reconfortante de uma mercearia de bairro, onde nos sentimos benvindos e simpaticamente recebidos. Desde os armários em madeira com portadas em rede até ao balcão onde, tal como nas mesas e cadeiras de madeira, se podem degustar os produtos e os vinhos que por lá se vendem, passando pelos mais tradicionais artefactos como uma balança antiga e os cestos nas paredes, tudo se conjuga para criar um ambiente de memórias com espírito contemporâneo.

Mercearia das Flores
Rua das Flores 110


Fonte: O Porto Cool

Thank u


Contabilizar problemas

Cada macaco no seu galho, sempre ouvi dizer e é o mais acertado. Não se pode nem se deve, por questões práticas, colocar uma pessoa a fazer o trabalho de outra quando exige níveis de conhecimento diferentes.
Letras, humanidades ou humanísticas como quiserem, área da comunicação são os meus campos de batalha, a minha praia e não são os números. Pela santa, passei a minha vida a fugir dos números porque irritam-me solenemente e agora colocam-me às voltas com lançamentos contabilísticos e códigos que fazem-me sentir um boi (vaca neste caso) a olhar para um palácio!!! 
Não era suposto motivar os funcionários em vez de martiriza-los? Que raio de gestor coloca uma pessoa formada em RP a fazer trabalho de contabilidade, adiciona mais carga de trabalho e nem sequer equaciona a hipótese de adicionar uns quantos euros ao seu milimétrico ordenado? Um gestor português!
Era nascer-te um pinheirinho atravessado...

.

'I can't tell you the key to success but the key to failure is trying to please everyone.'

Ed Sheeran

Ideias tolas

Sou da opinião que as sextas-feiras deveriam ser como as passagens de ano. Podíamos aproveitar o dia de transição da semana laboral para o dolce fare niente do fim-de-semana com um pedido de desejo tal como fazemos no ano novo! Apenas um, nada de abusos, afinal podíamos pedir todas as semanas! Se assim fosse hoje eu teria um tão jeitosinho para pedir...!!

.

"E de repente a vida vira-te do avesso
 e descobres que o avesso
 é o teu lado certo."


Caio Fernando Abreu

É meu

Tenho tratado algumas coisas da minha vida como provisórias e sinto um certo desconforto por isso. Tomei a decisão de tornar as coisas minhas nem que seja a curto prazo. 
Posto isso, tenho muitas compras a fazer...

1º Encontro Nacional de Zumba

É já neste próximo sábado, all day long, que teremos no Parque Aventura da Lipor (Gondomar) o 1º Encontro Nacional de Zumba.
Com a presença de fantásticos instrutores, será um dia cheio de energia, boa disposição, exercício ao ar livre e muito ZUUUMMBAAAAA!! Que tal?


Já não é necessária pré-inscrição, só mesmo vontade de se divertir!
Apareçam!

Bolas!!!

Isto de querer agradar a gregos e a troianos e sair na mesma contente não é nada fácil. Há sempre alguém que, no meio da história, sente-se lesado de alguma forma. É saturante! Por Cristo...!!! 

Momentos especiais

Foi um serão muito agradável.
Não imaginava que não fosse. Sabia-o diferente, interessante, divertido e superou as expectativas.
Quando estamos perante alguém que cativa-nos o olhar, que faz-nos querer que a noite jamais termine, cuja voz flui e o sorriso faz-nos sentir felizes é quando temos a certeza que na vida há momentos que são de preservar, de congelar no tempo e na memória. São instantes que a partir dali fazem parte de nós, da nossa história, de quem somos. Alimentam a nossa vivência, o nosso presente, o nosso querer estar bem e confesso que aquele abraço fez-me sentir bem 'perto de casa'. 
Somos muitas vezes enganados pelo que a nossa mente deseja que aconteça e criamos à nossa volta o ambiente perfeito para que o imaginário se torne real. É bem provável que seja apenas isso o que faz-me recordar o momento vivido mas que sorrio cada vez que o recordo, isso sorrio, e que no íntimo desejo que se repita, isso desejo, simplesmente porque foi bom.


Sinto-lhe a falta

Apesar das mágoas já causadas não consigo deixar de pensar, neste momento, que o amor é dos melhores e mais virtuosos sentimentos que um ser pode vivenciar. E sinto a falta de vivê-lo...
Ao escutar a 'Tudo por um beijo' de Jorge Palma sinto que cada palavra da música transmite de uma forma tão boa e simples o que sentimos quando amamos, quando a paixão pulsa em nós. E num momento agridoce esboço um sorriso por saber que já o senti e sei o que é mas entristeço-me por parecer tão impossível e longínquo senti-lo de novo. Espero um dia conseguir conhecer aquele a quem direi 'tu baralhas-me a razão' e isso sabe-me tão bem pois a razão tantas vezes consome-me!