Construo lembranças

Cada momento que vivemos traz consigo uma futura lembrança que recordaremos quando a ausência se fizer sentir, e com ela colocamos o olhar ao longe, mirando o nada mas sentindo o tudo, o tudo que o momento conseguiu construir mesmo que num segundo e que permanecerá assim enquanto a memória não nos falhar.

'Vês, lá longe, os campos de trigo? Eu não como pão. O trigo para mim é inútil. Os campos de trigo não me lembram coisa alguma. E isso é triste! Mas tu tens cabelos cor de ouro. Então será maravilhoso quando me tiveres cativado. O trigo, que é dourado, fará lembrar-me de ti. E eu amarei o barulho do vento no trigo…'

Antoine de Saint Exupéry, O pequeno príncipe

2 comentários:

  1. O meu autor favorito!

    Eu tenho construído muitas lembranças... mas quisera eu apagá-las... missão impossível.
    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Poderão um dia ficarem escondidas mas esquecidas não.
    Espero que construas sempre boas lembranças.
    Beijos

    ResponderEliminar