Hoje é para mim

Com a sensibilidade à flor da pele...é assim que estou hoje.
E acho que já estaria ontem mas não valorizei.
Hoje é daqueles dias em que tudo parece chocar comigo. Hoje tudo tem má intenção, magoa-me e ofende-me. Hoje tudo ao meu redor parece estar contra mim e entro logo na defensiva. E eu sei que são fases, que não é nada disso. Contudo, hoje é daqueles dias em que minha predisposição para olhar para dentro, fechar-me na conchinha e estar no meu canto é maior.
Eu sei o que a minha mente está a fazer e porquê que o está a fazer e é isso que faz com que não me preocupe com estes dias mais sensíveis. É mesmo uma forma de nunca deixar de olhar para mim e por mim. Começo a ter noção de que, por vezes, deixo-me absorver demais pelos outros, pelos sentimentos, deixo-me ir com a corrente sem problema algum e são situações em que sei não serem totalmente boas para mim. E nestes casos, meu dispositivo acciona e recuo para um sítio onde só estou eu.
E hoje será um dia dedicado a mim!

Sem comentários:

Enviar um comentário