Mensagens virtuais

Gosto imenso de ler as frases que algumas páginas que sigo no facebook colocam diariamente. Muitas delas são a verbalização de pensamentos e identifico-me bastante, não fosse isso não as seguiria. Mas também há as frases directas e indirectas sobre o amor e a amizade que muitas pessoas usam como forma de atingir determinado alvo, mais provavelmente sem o alvo sequer perceber que é para ele.
Nem sei se consigo achar piada a estes recadinhos de estados de espírito cuja única intenção é demonstrar que sabem mas não fazem nada mais do que clicar num 'like' ou repostar.
A vida é mais do que a internet e isto escrito por alguém que sente-se maravilhosamente bem em ter vários espaços onde debitar a imensa informação que este cérebro processa (mas que também desconecta-se por completo quando desliga este computador).
Já percebemos que são pessoas inteligentes e que vão mais à frente, captaram a emoção, sabem o que se passa e querem que o outro saiba que eles sabem mas não será muito mais proveitoso e fácil, em vez de sentirem-se tristonhos, culpabilizarem-se e ficarem sentados em cima das emoções, desculparem-se e esconderem-se por detrás dessas mensagens, cuidar dos relacionamentos com cuidado e atenção que merecem para evitar maus sentimentos?

8 comentários:

  1. eu gosto. e às vezes publico-as porque acho que, enquanto eu ainda ando a tentar decifrar o que sinto, há alguém que consegue por em palavras, com uma facilidade extrema... às vezes, é mais fácil usar as palavras dos outros para dizermos o que sentimoS!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também gosto e também publico. Como referi, identifico-me bastante por isso sigo essas páginas. Os recados é que não acho tanta piada. Sou da opinião que, se queremos dizer algo a alguém, devemos fazê-lo logo e não esperar que a pessoa adivinhe que um determinado 'post' seja uma mensagem.

      Eliminar
  2. Também passo algum tempo a ver as frases :p

    ResponderEliminar
  3. Eu não ligava muito, mas agora ligo.
    São aquelas verdades / máximas de vida que nem sempre nos parecem óbvias, mas no fundo sempre soubemos que são assim...
    Quanto aos recados, será pelo facto de por vezes já não se poderem de facto "dizer coisas" a determinadas pessoas?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Começamos a ligar quando a nossa mente desperta, quando já não estamos distraídos por algo e precisamos de ler para 'saber' que o que sentimos não é único mas partilhado por muitos.
      Há recados sim que são dirigidos a pessoas que já não fazem parte da vida e tornam-se uma forma, julgamos nós, de tentar alcança-los. Mas há também os recados que são dirigidos a alguém sem passado connosco apenas um desejo de futuro e a esses o melhor conselho mesmo é falarem e deixarem-se de indirectas. Viver na frustração é que não concordo e critico.

      Eliminar
    2. Sílvia,
      Viver na frustração é necessário, mas apenas durante o período de tempo necessário ;)

      Eliminar
    3. Nem de propósito acabei de ler uma frase que diz 'dias ruins são necessários para que os dias bons possam valer a pena'. Agora viver na frustração? Não sei em que sentido ou em que circunstância estás a colocar essa frustração mas se ela não te levar a lado algum então não consigo concordar.

      Eliminar