Que barulheira!

Porque as pessoas fazem barulho a comer?
Se há coisinha que me consegue tirar do sério é ter alguém a poucos metros de mim a a mastigar de forma barulhenta e, pior que isso, de boca aberta! Não posso...sério que não posso! Para demostrar o quanto não suporto digo apenas que tive uma fase da minha vida, e não foi assim à tanto tempo quanto isso, que quase ganhava uma úlcera estomacal devido aos nervos de ter alguém constantemente a fazer barulho quando comia ao meu lado! Verdade!
Mas há pessoas que simplesmente não se apercebem de como conseguem ser incómodas ou então até o sabem mas estão completamente nas tintas.
Defino isso como uma falta de chá sem tamanho. Percebo, porque também me alimento e claro que não tenho boca à prova de som, que determinados alimentos mais crocantes mesmo de boca fechada fazem barulho ao mastigar, mas os outros, os não crocantes, aqueles que até se desfazem sem muito esforço, sem muito cansar o maxilar, porque insistem em come-los como se fossem de metal ou pastilha elástica e partilham esse som horrososo com quem não está minimamente interessado? É que, para agravar a situação, eu tenho aquilo que comumente designam por "ouvidos de tísico", ou seja, eu ouço muito bem!! Junta-se à festa meu ouvido selectivo e a minha ansiedade e temos um verdadeiro martírio enquanto durar a formação do bolo alimentar!
Ainda hoje, credo, meu Deus, minha Santa...tive que gramar uma pessoa a comer um diospiro!! A fruta é muito boa, gosto muito e até como de colher..sei lá, dá-me mais jeito, mas a pessoa em questão não o comeu de colher, também não é obrigada, é certo, mas sorveu-o! Sim...sorveu o diospiro! Até a fruta desaparecer completamente, eu vivi um filme de terror!
Episódios assim tenho quase que diariamente. Em algumas alturas até pensei que era eu que estava a ser demasiado exigente com os outros, demasiado perfeccionista, tudo devia ser como eu achava correcto. No entanto, fui convencendo-me que existem pessoas que se adaptam às situações e a outras pessoas, que conforme se sentem mais ou menos à vontade fazem mais ou menos barulho. Para meu azar, quer parecer-me que se sentem muito à vontade na minha presença pois é um barulhão de todo o tamanho. Sendo assim não sou tolerante. Também não sou mal-educada, não digo nada porque fui ensinada que os incomodados é que se devem retirar e por isso retiro-me deixando um olhar fulminante.

20 comentários:

  1. Alguém que me compreende! Partilho do teu martírio! Odeio isso! Tira-me profundamente do sério! :X

    ResponderEliminar
  2. Eu até... chlep... te... chlep-chlep... respondia... fuuuchiiu... desculpa... brrrttt... à cena do... chlep-fuuuchiuuu-chlep-chlep... olhar fulminante... mas... brrrttttttttt... 'tou de... chlepppp... boca cheia.... chlep-chlep-fuuuchiuuu-chleeeeeeeeeep-brrrRRRRRRRRrrrTTTttt!

    Com licença... brrrttt... oops!

    ResponderEliminar
  3. Mariquita: haja paciência... :s

    Gimbras: aviso-te que fico um pouco violenta perante esses ruídos! Olha mastiga lá mais uma vez assim que eu digo-te!! gggrrRRrrr

    ResponderEliminar
  4. Chlep...? Hummm?? Perdão... não ouvi o que disseste... chlep...

    Ai que bom diospiro...!!!

    ResponderEliminar
  5. Eu compreendo-te bem. Não sou tão sensível aos barulhos a esse ponto, mas incomoda-me um bocado. Às vezes até me enoja...

    ResponderEliminar
  6. Pareces o meu marido: ele passa-se mesmo!!! Lol e eu farto-me de rir apesar de também detestar pessoas que fazem barulho a comer...

    ResponderEliminar
  7. Gimbras: tu és mauzinho!! Vê lá se não te entalas com o diospiro!!

    Saga: como te entendo!!!

    Dina: se eu me rir é porque já estou tolinha com o barulho!!

    ResponderEliminar
  8. Entalar-me com um fruto? É para depois chamar a fisioterapeuta?

    ResponderEliminar
  9. Epá... ui... entalei-me! Aiiii! Aiii! Acudam!

    A minha futura "chefa" já aprendeu com a futura ex-"chefa", emborca chocolates e doces como se não houvesse amanhã... acaba de arrotar e nem pediu perdão.

    :S Acudam-me! Estou desesperado!

    ResponderEliminar
  10. Há qualquer coisa esquisita nas mulheres que trabalham aí...arrota também!! :D

    ResponderEliminar
  11. Entalei-me de novo.

    Sou um senhor, só arroto para meninas especiais.

    ResponderEliminar
  12. Não arroto para as "chefas", só para as meninas especiais...

    Brrrttt... perdão! Arrotei! Peço desculpa...

    ResponderEliminar
  13. Olá, tal como eu, parece haver muita gente que odeia ouvir os outros a mastigar, entre outros sons que são capazes de causar grande irritação e até raiva. Segundo pesquisei, pode ser algo chamado de misofonia. Em português não há grande informação sobre o assunto, por isso, criei uma página no facebook (com o nome misofonia) para difundir a informação sobre o tema e também para reunir o maior número possível de pessoas com este problema, para que se possa provar que é uma condição séria nos casos mais graves, isto porque pode efectivamente afectar o normal desenrolar da vida quotidiana.
    Obg, Helena

    ResponderEliminar