McCabras!

Sou só eu que fico incomodada quando passam por nós e fazem de conta que não nos vêm?!? É que não percebo!

Em outras circunstâncias, vá, aquelas em que não podem mesmo escapar, somos os maiores mas quando podem ficamos transparentes!

Confesso que se fôr de carro, e pessoas mais próximas já estão avisadas disso, raramente vejo alguém! Sou como um burro com palas, vou completamente a leste de tudo. Mas se estiver mais atenta a quem passa não finjo que não vejo e viro a cara, digo o meu olá e aceno se fôr caso disso.

Já me aconteceu sair de casa e dar de caras com uma pessoa próxima, digamos assim, e ser completamente ignorada, mas encontrar essa mesma pessoa 5 minutos depois no café e ela agir como se nada tivesse acontecido e dizer-me um brilhante olá!

Não gosto de incoerência. Para mim ou cumprimentam-me sempre ou nunca me cumprimentam, não gosto de luas!
Serei eu?!?

5 comentários:

  1. Aqui não há cá luas... quer dizer... :S depende de quem é. Se nunca mais falar com essa pessoa é uma coisa, agora pessoa de contacto diário é diferente. É como o meu vizinho, só me cumprimenta nas imediações (e por isto quero dizer até à porta) do prédio, de resto, deixo de existir.

    ResponderEliminar
  2. Depende não...gostas cumprimentas, não gostas não cumprimentas! E manténs sempre! :)
    Tem vezes que olho 2, 3, 4 vezes para dizer olá e nada...fazemos figuras de estúpidos graças a isso!
    O teu vizinho é igual a outros tantos que fora do contexto da vizinhança parece que nem sabem o que é boa educação!

    ResponderEliminar
  3. Concordo. É por isso que sou assim:
    http://gimbras.nofuturo.com/everybody-loves-gimbras

    ResponderEliminar
  4. E agora que assinaste pelo Benfica é que vai ser!! ;)

    ResponderEliminar