Sair da 'box'

Fazia-se prever uma semana um pouco mais solitária do que o habitual. A E. de férias, a P. nos workshops de dança e o resto da malta que só aparece quando lhes dá na real gana. Mas até que nem me saí muito mal em termos sociais. As idas ao cinema com o B. (meu grande companheiro dos movies) foram preciosas não só para colocar em dia minha cultura cinematográfica como também desfrutar da companhia deste meu grande amigo que adoro de coração. 

Hoje é noite de jantar de aniversário da T. 
Estarei sem as minhas 'muletas' do costume, portanto será um pouco como que entregue à bicharada. Mas a malta o que quer mesmo é comer e beber (bem, de preferência) e estou a precisar de uns desafiozitos na vida pelo que até vai ser engraçado. Também se não estiver a ser agradável é só levantar o rabiote e sair...depois de pagar, é claro!

Amanha outro jantar também de aniversário mas este acho que fiz mesmo mal em ter aceite o convite. É que só conheço mesmo o aniversariante e a porra da festa tem dress code. Não gosto nada de imposições. 

Esta coisa de obrigar-me a sair da zona de conforto e conhecer novas pessoas, alargar os meus horizontes e coisas e tal mexe comigo. Sinto mesmo um nervoso miudinho inadmissível aos 30 anos (pelo menos é o que diz no B.I.).

Sem comentários:

Enviar um comentário