Sonhei contigo

Na saga dos sonhos reais mais uma vez tive uma boa experiência na outra noite e hoje escrevo para alguém especial.

No outro dia sonhei contigo, sim, contigo. Foi muito bom termos estado juntos durante o sonho. Foste não só uma companhia agradável e divertida como fizeste-me sentir a pessoa mais amada do mundo. Pena não saber quem tu és.
Acordei com uma sensação de alegria e frustração ao mesmo tempo depois de ter-me apercebido que, no momento em que iria ver o teu rosto, despertei. Mas na mesma assim recordo com muito carinho aqueles breves momentos em que só vi o teu sorriso. Sei que nos rimos muito, que nos divertimos imenso e que estávamos encantados os dois por toda a emoção que nos envolvia. Recordo ver-te parado do outro lado da rua, iluminado pelo imenso sol que se fazia sentir. Continuava apenas a ver o teu sorriso e ainda sinto o calor no peito pelo momento em que percebi-me que estavas ali à minha espera, feliz por ver-me. Pena não ter chegado a tempo de olhar-te e abraçar-te antes de ir-me. A realidade chamou-me antes de puder fazê-lo e sinto uma leve tristeza por isso. 
Esperei ver-te na noite seguinte mas não te encontrei.
Talvez um dia, na realidade, eu reconheça o teu sorriso na multidão e quando isso acontecer nada vai impedir-me de abraçar-te. Prometo.

6 comentários: