O meu sótão...

Coincidência ou não, desde o post das maias e do carrapato e do facto de me ter esquecido de as colocar à janela na passagem do dia 30 de Abril para 1 de Maio, minha aparição no blog baixou consideravelmente. E porque me tocou no coração receber um comentário do amigo Manoel Eduardo do Blog do Óbvio que reparou na minha ausência, senti necessidade de escrever qualquer coisa. Não, não fui levada pelo carrapato nem ele visitou minha casa por isso continuo sem saber se ele é ou não jeitoso, e sim, as obras do metro continuam nas traseiras de minha casa :)
Esta semana foi um bocadinho mais saudosista que o habitual e senti necessidade de me fechar no casulo! Quem nunca sentiu este tipo de vontade? Desaparecer por uns instantes, fugir do habitual, recolher na concha para colocar as ideias em ordem, colocar os pensamentos nas devidas caixas dentro da nossa mente? Confesso que ainda não terminei de arrumar aqui meu sótão, são anos de desmazelo dentro desta cabeça (e eu até sou arrumadinha)!!! Entre tralhas que já não servem para nada, pequenas coisas que deixo de fora para "olhar" de vez enquando até factos mais recentes que insistem em não ir para o devido lugar e andam aqui de um lado para o outro, tudo tem chateado o meu juízo! Imaginem um sotão pequeno, não minúsculo claro porque o tamanho da cabeça também revela alguma expansão da massa cinzenta, mas aconchegante, vá lá! Prateleiras e mais prateleiras que até arrumadinhas poderiam parecer uma daquelas divisões engraçadas do extreme makeover ou mais humilde do Querido mudei a casa, mas não, ainda há caixas de fotografias, cartas e lembranças pelo chão, livros de recordações e albúns fora do sítio...apresento-vos a minha cabeça :D Pelo menos já consegui tirar alguma tralha de cima do sofá e já me consigo sentar mais relaxada e olhar para a minha desarrumação, planear o que vai para onde, o que fica o que vai...Foi nesse sofá que fiquei esta semana, a relaxar, a contactar comigo mesma e com a minha natureza.
Mas cá estou, viva e bem de saúde para os mais interessados :)
Beijão

7 comentários:

  1. admirador pouco anonimo ;)11 de maio de 2009 às 18:09

    hum seja novamente bem-vinda menina Silvia :)
    Já estava com saudades dos teus posts, espero k essa cabecinha esteja mais arrumadinha e k posts agora como se n houvesse amanha :p
    ve la é se n tropeças na tralha k tiraste de cima do sofá... lol
    uma beijoca grande

    ResponderEliminar
  2. Eu vivo no sotão!
    Venho de quando em vez dar uma espreitadela á janela... mas não me afecta muito o que possam construir nas traseiras do meu sotao!
    Mas eu nao sou nada arrumado da cabeça =( queres fazer limpezas a part-time?
    Ohhhhhhhhh vidaaaaaaaaaaaaaaa!

    ResponderEliminar
  3. Admirador pouco anónimo: obrigada, vou tentar colocar a escrita em dia mas isto de escrever tem o seu quê...há que haver inspiração!

    Swadharma: no dia em que já não tivermos nada para arrumar nas nossas cabeças ficaremos tipo zombies! :D

    Beijos

    ResponderEliminar
  4. Parece-me a mim que esse teu sotão tem pouco espaço para tanta coisa e para te ter ainda a ti por lá aos trambolhões :)
    Pensa assim, há sempre documentação que pela sua antiguidade passa automaticamente para "arquivo morto". E isto só acontece porque já não é procurada, e como tal perde o seu interesse para o púlico. Em determinada pasta ai do teu sotão, acho que devias ponderar fazer isso mesmo...Vais ver que passado um determinado tempo nem vais precisar mexer nela, e o sítio onde se encontra vai-te parecer exactamente o sítio onde ela deveria estar...

    ResponderEliminar
  5. Elisabete: minha recém licenciada em ciências e tecnologias da documentação e informação, tu sabes do que falas! :D
    Cá espero por ti para, com o tempo e alguma paciência, me ajudares a arquivar a tralha que aqui vai.

    Beijo

    ResponderEliminar
  6. Fico feliz de vê-la POR AQUÍ DE NOVO. Não se preocupe em colocar as escritas em dia. O importante é que colocaste a vida em dia, ou quase em dia. Beijão. Manoel Eduardo - Brasil.

    ResponderEliminar
  7. Manoel Eduardo: estou quase lá! :) Devagarinho...obrigada.
    Beijos

    ResponderEliminar