Extra-help

É assim, na verdade não quero continuar a sorrir sem mais nem porquê para apenas tentar conquistar um pouco de sol. Não dá. Na realidade estou um pouco cansada, um pouco ou talvez demais para quem ainda fez apenas um nico da caminhada.
Ninguem disse que seria fácil mas também ninguém avisou que seria tão difícil. Como anteriormente falei, as caminhadas e as tomadas de decisão que tenho que ter para avançar com a vida, na sua maioria são feitas a solo. Mas tem algumas que um extra par de mãos até que fazia um jeito imenso. É que duas cabeças, ou mais, pensam bem melhor do que uma ainda para mais stressada, desgastada e assim a cair para o melancólico. Ficaria mais fácil se pudesse saber bem com o que contar, talvez assim o campo de possibilidades alargar-se-ia para mim e não estaria tão restringida como estou por causa desta incerteza, umas vezes certa outras nem tanto. Confuso? Eu sei! Escrever por entre palavras, ideias e linhas é uma das muitas capacidades que possuo de dizer muito e fazer pouco. Mas até tenho feito muito quando penso que com as mãos atadas não se faz grande coisa. Mas se até o outro sem braços nem pernas é capaz de erguer-se, quem sou eu para não o conseguir?!?
Inicios de Dezembro, por acaso hoje até é capicua, 10/12/10, fico sempre com aquela ponta de esperança que as capicuas cumpram o seu dever e tragam alguma sorte com elas. Claro que depois há sempre os ranhosos que dizem que é uma capicua falsa pois na realidade não é 10/12/10 mas 10/12/2010 e portanto não vale! Fuck you all se necessário porque nas minhas crenças mando eu! E como dizia eu, inícios de Dezembro que por alguns segundos fazem-me recuar um ano, deve ser por estarmos na altura dos balanços e coisa e tal, e para meu espanto ainda surpreendo-me por 2010 ser quase uma cópia de 2009. Claro que dou a devida importância às grandes diferenças e por isso sublinho o quase. Mas, em termos gerais e quando analisados os projectos pessoais, a diferença é nula! Rien! Nada! Niente! Está tudo igual! Mas pelo menos este ano respiro de alívio e não sinto aquela cruz pesadíssima que arrastava ao longo do ano todo. Isso ficou lá para trás e bem para trás sem qualquer lembrança do sítio onde ficou! E deixemos lá estar! De resto, temos novidades sim, coisas grandes, pessoas novas, experiências novas, sonhos novos. Ergo as mãozinhas para cima por grandes momentos vividos. Mas estou mesmo a precisar que aqueles dois projectozinhos pessoais andem para a frente senão, mesmo com braços e pernas, deixo-me ficar...extra-help needed please!!!!

6 comentários:

  1. Disponibilizo-te as minhas duas mãos, dois pés, ouvidos e olhos e tudo o que mais precisares!
    Gosto (e tento sempre) acreditar que quando queremos muito alguma coisa, mais cedo ou mais tarde as respostas acabam por surgir.
    Não desanimes, vais ver que os teus esforços serão recompensados!

    ResponderEliminar
  2. Eu também acredito e sei que sim, as respostas já estão todas cá, isto apenas é o cansaço a falar que começa a mexer com a vontade de realmente tornar alguma coisa real.
    Obrigada querida, eu sei que posso contar contigo!

    ResponderEliminar
  3. Sílvia, se me permites, nesta encruzilhada e nesta vontade de receber um "empurrão em frente", a única pessoa que o pode fazer és tu.
    A extra-help q te posso arranjar não sou eu, é a de quem me "ensinou a andar", a minha amiga Susana. Auto intitula-se Susana Cor-de-Rosa porque Rosa é a cor do amor incondicional. Não a conhecia até estar num "limbo"/"tédio"/"impasse" parecido com o teu. A Susana ensinou-me a como colocar na prática muita coisa que eu tinha lido antes.
    O site dela é este: http://sites.google.com/site/susanacorderosa/
    Tem BOLA, ZERO de patranhas ou espíritas ou tarots, ou tretas. A Susana era advogada, deixou de exercer e dedica-se à energia. É séria, e de confiança. Tem uma forma muito pedagógica de nos ensinar a explorar o que de melhor nós temos. Espero sinceramente que ela te possa ajudar. Acho que vais gostar mto dela. Boa sorte!

    ResponderEliminar
  4. Nada se faz sem trabalho e tudo o que é difícil... tem + sabor!

    ResponderEliminar
  5. Andorinha: obrigadão. Vou espreitar o site e depois digo-te o que achei! Beijoca

    Pedro: concordo. Mas também não acredito que a vida seja unicamente para termos trabalhos forçados. Têm mais sabor sim, mas os que se fazem acompanhados tambem sabem bem...

    ResponderEliminar
  6. Sílvia, o site da Susana foi feito por muito boas almas, cheias de boa vontade e bom coração, mas não explica como deve ser, nem por sombras! quem é a Susana :) Liga-lhe, vai a um workshop, vais ver que vais gostar mto. Não te conheço, mas conheço o conteúdo do teu blog, e se é neste sentido que queres andar, a Susana está no teu caminho :) Beijinhos, boa sorte!

    ResponderEliminar