Madrugar para ginasticar

Eu consigo entender porque as pessoas fazem caretas e demonstram algum desagrado sempre que comento que acordo às 6h30m para ir ao ginásio. É verdade que custa, a minha cama como a vossa é maravilhosa (até acho que é mais, mas pronto), o certo é que, depois de estar fora da cama e vestido o equipamento é muito agradável, mesmo de inverno, sair ainda nem amanheceu em condições. Muitas vezes vejo o nascer do sol enquanto conduzo. Chegar as 8h30m da manha com o corpo bem acordado depois de umas aulinhas de jump ou de pump faz-me sentir orgulhosa e feliz pois é um desafio, é um compromisso que assumi comigo, é um disciplinar de corpo e mente completamente diferente. Contudo, o que mais ouço é 'tás masé maluca' ou então 'não bates bem da bola'. Claro que respondo sempre que quando chegar o verão vamos a ver quem é o maluco mas não entendo como a grande maioria acha assim uma tarefa tão impossível de concretizar acordar cedinho para esticar os músculos. Se soubessem a gratificação, o bem estar, o prazer que é aproveitar a manhã desta forma nem diriam nadinha. 
Ir ao ginásio ao final do dia é que me irrita. Tanta confusão, tanta gente, nem dá para treinar, temos de ficar à espera pela máquina ficar livre, os balneários à pinha...enfim, não me agrada. E confesso que esperava que o ginásio estivesse bem mais vazio do que o encontro todos os dias. São muitas as alminhas que se erguem da cama cedinho e praticamente são sempre as mesmas, já parecemos um grupo solidário que se entre-olha como quem diz 'eu entendo teu esforço'. Mas compensa, em vários sentidos. A quem acha loucura desafio a experimentar, não uma vez, mas pelo menos uma ou duas semaninhas. Vão ver a diferença, não no corpo mas no espírito.

9 comentários:

  1. Acredita, eu cá preferia levantar às 06h da manhã para ir para o ginásio do que para ir trabalhar como é o meu caso... =/
    Esse espírito é fantástico, quando voltar para a Europa e com o regime que levo daqui de madrugar, quero fazer igual a ti (vamos lá ver é se na Europa a preguiça aguda não me ataca) :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Sim, como se costuma dizer, do mal o menos. Preferível lazer ao trabalho, o espírito acorda de forma diferente.
    Com certeza que, com essa disciplina, quando chegares à Europa vais manter-te madrugadora. E faz por isso, é bom! ;)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. fazes tu senão bem, eu cá deveria adquirir um hábito desses, mas dormir é muito importante para as minhas rotinas senão começo com enxaquecas, teria de me deitar a horas decentes e nem sempre é possível

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, convém criar outros hábitos de sono mas não é preciso grandes sacrifícios. Tudo depende da hora habitual que vais dormir. Nos dias em que tenho gym deito-me sempre por volta da meia-noite e durmo 6h30. Serve perfeitamente. Ontem fiz asneira e adormeci já era 1h, mas o despertar não foi difícil.
      Enxaquecas é que não, dorme prai rapariga!:)

      Eliminar
  4. Eu acordo a essa hora, mas para me despachar que de manhã sou muito molengona e demoro horas. Vou ao ginásio, quando posso, ao fim do dia :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ...'quando posso', cheira-me a um caso de preguicite aguda :)

      Eliminar
  5. Quando praticava natação com muita regularidade fazia-o por volta das 8 da manhã. E adorava.

    ResponderEliminar
  6. Adorava fazer isso e admiro muito quem o faz, não só pelo exercício em si, mas pelo acordar cedo. Ser matinal não é comigo... Já tentei ir antes do trabalho (em dias em que entrava às 13h... :), fui pelo ginásio e não correu muito bem...O meu corpo não reage bem ao exercício pela manhã.

    ResponderEliminar